Coleta seletiva, um desafio de todos

Usuários do DF podem acompanhar o cronograma de recolhimento do lixo pelo site do SLU

A coleta seletiva vai chegar a todo o DF brevemente e a população precisa fazer sua parte, separando em casa os materiais recicláveis do material orgânico para o modelo funcionar.  Esse é o próximo desafio do Serviço de Limpeza Urbana (SLU), depois de ter fechado, em janeiro de 2018, o antigo lixão da Estrutural, considerado o segundo maior do mundo em operação.

 “A meta é ter a coleta seletiva em 100% do DF quando o edital para contratação de novas empresas de limpeza urbana, que ainda se encontra em análise pelo Tribunal de Contas, for liberado”, informa o diretor-adjunto do SLU, Paulo Celso dos Reis.

Atualmente, o SLU realiza a coleta seletiva em 25 regiões administrativas, atendendo a cerca de 52% da população do DF. O serviço é feito pela empresa Sustentare e por 11 cooperativas de catadores. Dependendo da região, o serviço é prestado integralmente ou parcialmente.

Participação

Para funcionar bem, é fundamental a participação dos moradores. Todos devem separar seus resíduos já no interior da residência, utilizando duas lixeiras: uma para orgânico e rejeitos e outra para recicláveis – papel e embalagens em geral, como papelão, plástico, latinhas, caixinhas de leite e garrafas pet. Todo o material coletado vai para os galpões de triagem de catadores de material reciclável.

Quando as pessoas não separam o resíduo seco para a coleta seletiva, esse material acaba sendo destinado ao Aterro Sanitário de Brasília, diminuindo a vida útil do local e desperdiçando matéria-prima que que sustenta centenas de famílias de catadores. Muitos desses recicláveis demoram mais de um século para se decompor.

 Cooperativas

O SLU contratou 17 cooperativas para prestar serviço de triagem e mais 11 para a coleta seletiva. As cooperativas oriundas do antigo lixão atuam dentro de galpões equipados, organizados e limpos, mantidos pelo governo. As cooperativas que trabalham com a triagem recebem, em média, R$ 300 por cada tonelada de material triado e comercializado, além do lucro da venda. Já as que trabalham com a coleta seletiva são remuneradas pelo valor médio mensal de R$ 32 mil pelo cumprimento da rota.

As cooperativas rateiam o faturamento entre os associados, compram equipamento de proteção individual e pagam o INSS dos catadores, o que garante assistência em caso de afastamento ou acidente de trabalho. É uma situação bem diferente de quando esses profissionais atuavam de forma autônoma no antigo lixão, sem nenhuma proteção.

A continuidade desse modelo bem-sucedido, no entanto, depende da colaboração do cidadão. Em média, são coletadas diariamente 85 toneladas de material reciclável, mas esse volume pode ser muito maior e contribuir para garantir renda e dignidade aos catadores.

O cronograma com os dias e horários das coletas seletiva e convencional em cada região administrativa do DF está disponível no site do SLU.

* Com informações do SLU

Postado em: 21/03/2019 às 23:41:06
Link:

 • News | Outras Noticias
23/03/2016 - Governador nomeará mais 310 policiais civis até julho...
30/07/2017 - Rollemberg inaugura a Praça da Cidadania, no Eixo Monumental...
21/01/2016 - 120 serão nomeados para a Polícia Civil até fevereiro...
16/03/2016 - Governo convida iniciativa privada para gerir equipamentos públicos es...
13/03/2016 - Televisão digital: sinal analógico está perto do fim...
04/04/2018 - Fábrica Social aumenta chances de emprego de mais 893 jovens...
12/05/2016 - Secretários de Economia e do Esporte detalham atividades das pastas...
23/09/2015 - Governo estuda reduzir taxas de ajuste para obter aprovação de deputad...
17/07/2017 - Zoo de Brasília é referência em reprodução de ariranhas...
20/07/2017 - Servidores são capacitados em perícia de incêndios florestais...

 
Últimas notícias
Governador Ibaneis Rocha formaliza doação de todo o salário :
O chefe do Executivo não ficará com um centavo dos subsídios que tem direito...
População se sente mais segura com a troca de luminárias tra:
Operação da CEB no entorno do Hospital de Ceilândia trouxe melhora sensível nas ...

+ Destaques

     
Contador Visita


1
CD Verão 2019
Márcia Fellipe
2
Maravilhosa Graça
Luh Ribeiro
3
CD Promocional
Wesley Safadão
4
Novembro 2018
Xand Avião
5
Summer Hits
Saia Rodada
6
Eu te amo pinga
Antony e Gabriel
7
Bobo Fui Eu
Zé Neto & Cristiano
8
Sunshine
Cavaleiros do Forró
9
Eu ligo pra você
Zé Neto & Cristiano
10
Não Me Toca
Zé Felipe
 

Enquete - Vote Agora!
Qual seu estilo musical? +

Atendimento
Av Recanto Quadra 102 Lote 09 Sala 202
Recanto das Emas - DF
Depto Comercial
(61) 3434-3406
Horário de atendimento
Segunda a Sexta de 08:00 as 22:00
Powered by SimplesClick.NET